Arquivo da tag: autoconhecimento

O maior elogio que você poderia receber de uma pessoa

Existem os malucos que vivem no mundo dos sonhos, existem aqueles que encaram a realidade – e existem aqueles que fazem os dois se encontrarem. Eu quero ser esse terceiro cara!

Todos os dias eu recebo presentes das pessoas que lêem as coisas que eu escrevo.

Um dos melhores presentes que eu recebi nos últimos tempos veio do interior da Bahia. Uma carta escrita por uma mãe cujo o único filho está preso.

“Ricardo, ano passado eu estava procurando na internet por alguma coisa para melhorar a minha vida e tive a incrível…

leia mais em http://www.bizrevolution.com.br

Anúncios

Autofeedback

Em Delfos, na Antiga Grécia, o grande filósofo Sócrates já dizia: “Homem, conhece-te a ti mesmo”. Essa máxima estende-se com muita propriedade nos dias de hoje na Era das Redes Sociais.

Uma grande parte da humanidade sofre por não se conhecer, por não entrar em contato consigo mesmo. Em geral, as pessoas buscam “ter” bens materiais, sucesso na carreira, enfim, buscam o progresso que sem dúvida é necessário para as nossas vidas. No entanto podemos e devemos evoluir no “ser”, mas para isso é…

leia mais em http://www.rh.com.br/Portal/Desempenho/Artigo/8120/autofeedback.html

Ansiosos colocam o problema na frente do prazer

Você acorda quase todos os dias com a sensação de que algo ruim irá acontecer? Também sempre está com uma constante sensação de tensão, esperando a todo o momento o pior dos mundos? Se a resposta for sim, há grandes chances de que a sua ansiedade esteja ultrapassando os limites. E chegar a esse nível pode significar que em algum momento você começará a se prejudicar no trabalho e na vida – se já não estiver se prejudicando. “As personalidades mais pré-dispostas a serem…

leia mais em http://epocanegocios.globo.com/Revista/Common/0,,EMI277413-16356,00-ANSIOSOS+COLOCAM+O+PROBLEMA+NA+FRENTE+DO+PRAZER.html

Como se antecipar ao futuro hoje no presente

A maioria das pessoas espera sempre por previsões certeiras sobre os acontecimentos e até mesmo fórmulas prontas e, às vezes, mais seguras sobre o que fazer e quais posturas tomar.

Por isso falar sobre o futuro sempre é tão difícil. O fundamental não é prever, é se precaver e prevenir. Presumir o desconhecido faz com que tomemos decisões precipitadas e essas podem nos levar a muitos problemas. Isso no mercado atual é um pecado enorme.

Uma pergunta que …

leia mais em http://webinsider.uol.com.br/2011/10/03/como-se-antecipar-ao-futuro-hoje-no-presente/

Silencie e Mente e Observe os Benefícios

Tornou-se muito comum hoje em dia ouvir os mais variados comentários sobre meditação, yoga e demais técnicas que envolvam a interiorização e o silêncio como técnicas de autoconhecimento e equilíbrio! Mas qual o real benefício de qualquer destas técnicas para o mundo corporativo? Como aliar práticas de Desenvolvimento Humano à mentalidade Capitalista do século XXI?

Parece estarmos diante de um grande paradoxo, não é? E realmente estamos…

Na corrida pelas conquistas materiais e…

leia mais em http://executivosbrasil.blogspot.com/2011/09/silcencie-e-mente-e-observe-os.html

Resiliência: a flexibilidade do autoconhecimento

O ser humano pode ser considerado como a criatura mais elástica da face terrestre. O homem pode traçar os caminhos que desejar, pode refazer rotas e também pode construir ou desfazer objetos. A experiência do homem sobre a Terra sempre foi …

leia mais em http://minoruueda.blogspot.com/2010/09/resiliencia-flexibilidade-do.html

Em Busca do Boi

Conta uma história da tradição budista que, um monge entrou em um vilarejo montado em um boi, e os habitantes da vila lhe perguntaram onde estava indo.

Ele então respondeu que estava em busca de um boi.

As pessoas se entreolharam, intrigadas, e então começaram a rir. O monge se foi. No dia seguinte, de novo montando um boi, o monge voltou ao vilarejo. E de novo as pessoas lhe perguntaram o que buscava.

“Procuro um boi”, foi novamente a resposta. Outra vez o monge se foi, em meio ao riso de todos.

No terceiro dia o fato se repetiu: “o que busca?” e o monge, montado no boi, disse ser um boi o que buscava. Só que a piada já perdera a sua graça e as pessoas protestaram, dizendo: “olhe aqui, você é um monge, supostamente uma pessoa santa, sábia, e mesmo assim você vem aqui à procura de um boi quando, o tempo todo, é sobre um boi que você esta sentado.” ao que replicou o monge: “também assim é a sua procura de deus.” e assim é conosco. Tantas e tantas vezes saímos em busca de algo que estava conosco o tempo todo, sem que nos déssemos conta. Achamos que a nossa realização está em outro trabalho, outra profissão, outra família, outros amigos… e chegamos por vezes a partir em uma busca inútil quando, se olhássemos com um pouco mais de atenção – talvez com um pouco mais de boa vontade – para aquilo que já temos, descobriríamos que o ” boi” que tanto procurávamos estava nos carregando todo o tempo.

É preciso olhar para frente, sim, traçar metas, segui-las. Mas sem perder a noção do potencial de realização e felicidade que esta bem aqui, na nossa realidade presente.

Se você aprender a olhar para sua própria vida, pode descobrir que sua esposa, ou seu marido, ainda conserva muito daquilo que fez você se apaixonar há 10, 20, 50 anos.

Que sua profissão continua tendo muito em comum com suas idéias de vida – apesar de seu desgaste, de seu cansaço.

Que seu trabalho ainda guarda chances e as perspectivas que tanto prometiam. Estão apenas um tanto encobertas pela poeira do tempo que passou, enquanto você esteve ocupado demais para aproveitá-las.

A felicidade precisa ser perseguida. Mas muitas, muitas vezes, sofremos e choramos sentados sobre ela.

fonte: http://www.contandohistorias.com.br/historias/2004260.php